(51) 3427 1039

PSICOLOGIA

O acompanhamento psicológico é essencial em qualquer fase da vida, para um melhor autoconhecimento e compreensão das situações vivenciadas. Na cirurgia bariátrica é extremamente importante, pois auxilia o paciente nas modificações alimentares, psicológicas, comportamentais e de estilo de vida que ele irá enfrentar ao longo do tratamento.

Principais serviços

ACOMPANHAMENTO NA CIRURGIA BARIÁTRICA

Antes de serem submetidos à cirurgia, todos os nossos pacientes são avaliados pela psicóloga da equipe.

O objetivo desta consulta é detectar qualquer distúrbio que possa prejudicar a boa evolução no período pós-operatório. Em torno de 5% dos pacientes apresentam depressão ou outros distúrbios psiquiátricos após a cirurgia. Nossa psicóloga está à sua disposição não só para uma avaliação no pré-operatório, como também para enfrentar as mudanças durante o procedimento e para ajudá-lo a solucionar os problemas no pós-operatório.

O papel da psicóloga no tratamento da obesidade tem sido cada vez mais valorizado. Atualmente cerca de 10% dos pacientes operados podem voltar a ganhar peso. Isto se deve ao retorno da ansiedade, conhecida no meio médico por compulsão alimentar. A compulsão alimentar quando não tratada é a principal causa do reganho de peso.

AUTOIMAGEM

O processo pelo qual o paciente bariátrico, ou mesmo quem consegue perder bastante peso sem a necessidade de procedimentos, pode ser bastante complexo. Mesmo após a cirurgia, muitas vezes demora a se ajustar a imagem real do paciente, permanecendo a do momento anterior, antes do processo de emagrecimento.
Com isso, o paciente bariátrico enfrenta algumas alterações na percepção do corpo durante o processo do tratamento. Depois do procedimento, é preciso trabalhar a autoimagem e isso pode ser sentido de modo diferente em cada um. É bem importante observar e acompanhar o paciente. Nesses casos, especialmente a psicologia pode auxiliar no ajuste para a imagem real. 
Esse apoio é essencial para o alinhamento das expectativas e a adaptação para uma nova vida depois de uma cirurgia bariátrica, recuperando a imagem real.

AUTOESTIMA

Hoje em dia, é cada vez mais difícil ter uma autoestima equilibrada e saudável, com tantos estereótipos e influências da mídia e do mercado de consumo. Algumas mudanças de atitudes e o acompanhamento com a psicóloga podem ser muito benéficos nesses casos, ajudando você a  a ter mais confiança e amor próprio. 

 

Entre em contato conosco

Success! Message received.